Lambe-Lambe

Continuando a escrever sobre as intervenções urbanas, no primeiro post escrevi sobre sticker e agora vamos falar sobre lambe-lambe e suas questões. Quando as pessoas começam a se interessar por sticker e lambe-lambe, é mais fácil produzir um lambe-lambe, além de ser mais barato também do que um sticker, conseguindo quase o mesmo efeito de um sticker.

 

Lambe-Lambe

Tipos

Se você fizer uma pequena pesquisa na web, vai encontrar dois tipos de de lambe-lambe. O primeiro é um tipo de fotografia, técnica, câmera e fotografo (+) (+1) que é chamado lambe-lambe. O segundo tipo é o lambe-lambe, cartazes colados na rua, que hoje são utilizados como uma forma de intervenção urbana, e são esses que irei abordar aqui.

 

Onde surgiu

O lambe-Lambe basicamente é um poster de papel colado com cola, geralmente em muros e postes. Há séculos já é usado para a publicidade, divulgação e comunicação (quem nunca viu um lambe-lambe de algum ladrão sendo procurado em filmes de faroeste?), e já está no inconsciente coletivo. Aqui no Brasil, é comum os lambe-lambes para divulgação de shows (os clássicos posteres de tipografia com letras enormes e em duas cores), sendo hoje mais comum a divulgação de shows menores. Se aproveitando dessa técnica, alguns artistas nos EUA começaram a usar o lambe-lambe para intervir na cidade de forma artística. Depois, aqui no Brasil também foi usado para fins artísticos, tendo como percursores alguns coletivos como o SHN, Faca e projeto Chã, no começo dos anos 2000 (onde vi e comecei a me interessar por essa nova forma de intervenção. Antes dessa data e desses coletivos nunca tinha visto lambe-lambes artísticos). Como não existe nenhuma referência sobre o assunto, as informações são incertas e desencontradas, informações  sempre fornecidas por pessoas que vivenciaram e estavam envolvidas nesse processo (Para quem quiser, o site obey.giant.zip.net disponibiliza algumas informações sobre o começo do lambe-lambe)

Lambe-Lambe - PropagandaProcurado

Objetivo

Reutilizar, aproveitar e até mesmo “roubar” de lugares que geralmente estão abandonados. Alguns lugares na cidade que deixam espaços vazios, como caixas de telefone e postes podem ser um suporte para o lambe-lambe ou objetos que já possuem uma função. Com a intervenção do lambe-lambe, estes passam a ter outra função como é o caso das placas de rua e faróis, entre tantos outros suportes. Cada artista e lambe-lambe se propões a um tipo de sentido, e cada observador desses lambe-lambes tem uma sensação.

 

Lambe-Lambe X Sticker

Mais de uma pessoa já me perguntou qual é a diferença, e acho que se não nos prendermos em detalhes e nomes, basicamente não existe nenhuma diferença. Ao nos concentrarmos nos detalhes, podemos ver duas diferenças:

  • Cola: O Sticker já tem cola, enquanto o lambe-lambe não;

  • Tamanho: Geralmente os Stickers são feitos em formatos menores, e o lambe-lambe em grande formatos.

Poderia ser notado também, técnicas para produzir cada um e questão econômica na produção. Há quem não faça distinção, como nos EUA, aonde tudo é chamado de sticker. A separação é feita por uma mera questão de classificação.

 

Como Produzir?

Como o sticker, o lambe-lambe tem várias formas de ser produzido. A mais comum é pegar um desenho, xerocar e colar. É comum também fazer os posteres com stêncil. Abaixo, dois vídeos mostrando como fazer um lambe-lambe xerocado e com stêncil.

 


Dica do leitor Marcel

 

É possível fazer com serigrafia, ou qualquer outra forma de impressão. O “projeto lambe-lambe”, por exemplo, só produz lambe-lambe com xilogravura (+). Existem algumas iniciativas de lambe-lambe feitos com xilogravura. Veja algumas:

Valongo

Lambelambe-midia informal – Espaço Coringa

 

Para mais informações de como produzir, recomendo pesquisa na web, e também uma olhada nessas comunidades:

Lambe-Lambe / Stickers

LAMBE-LAMBE

Elas são sempre boas e ajudam.

 

Cola

Essas receitas de cola rodam pela internet, eu prefiro a de polvilho.

 

Cola de Polvilho

  • Ingredientes:

– 5 colheres de sopa de Polvilho doce

– 1 litro de água

– Cola branca

  • Modo de preparo:

Coloque as 5 colheres de sopa de Polvilho doce em 750 ml de água e dissolva bem, deixando cozinhar no fogo baixo até engrossar (será fácil perceber). Depois, coloque o resto da água fria e continue mexendo por mais alguns minutos. Tire do fogo e coloque um pouco de cola branca, para a cola grudar mais. De preferência, espere esfriar a cola e use em seguida (ou em alguns dias), não aconselho guardar.

 

Cola de Farinha de trigo

  • Ingredientes:

– 7 colheres de sopa de farinha de trigo

– 1 colher de sopa de vinagre ou pinho sol (para evitar bichos)

– 1 litro de água

  • Modo de preparo:

Ferva 3/4 da água em uma panela grande. Misture separadamente em uma tigela, 1/4 da água fria com a farinha até dissolver totalmente. Jogue a mistura com farinha na água fervente e mexa por 5 minutos.

 

Artistas

Se quiser ver uns bons trabalhos, cole nos sites abaixo:

SHN

Fefe Talavera

Faca

Obey

Projeto Chã

 

As questões de onde colar e por quê seguem a mesma linha do post sobre sticker. Com o tempo, vou tratar de temas mais específicos de intervenção, mas por enquanto vamos ficar nos assuntos mais básicos e gerais.

Publicado em 28/01/2008, em Intervenção Urbana e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 23 Comentários.

  1. Vera Lúcia

    Sou produtora de eventos e gostaria de saber como e onde posso anunciar em lambe-lambe.
    Grata
    Vera

  2. Olha desconheço onde faça lambe-lambe comerciais, provavelmente seja em gráficas.

  3. Gabriela saraiva

    sou produtora do iG e gostaria de saber onde posso achar alguns lambe-lambe para fazer o uma parte do estudio.
    aguardo retorno

  4. Isso depende, q tipo de lamb-lamb, pode falar com artistas q colam lamb-lamb, se for esses de tipografia na rua fidalga em sp, possivelmente.

    se quiser mais informações me manda um email q te ajudo no q puder: rodrigo@rodrigobruno.com

  5. Maria Beatriz Rosas

    Adorei!!!!
    estava procurando alguma coisa há um tempo. Mas minha dúvida permanece gostaria de produzir isso em casa, todo o processo, inclusive o da cópia. Como faço?
    Sou paulistana , mas moro em Salvador um lugar que se intitula como capital , mas não tem comportamento nem atitude de tal.Gostaria de começar um movimento.
    Obrigada e espero que me ajudem!!!!!!

  6. vc conhece algum lugar q imprima o lambe lambe, tipo gráfica?

  7. Adorei Rodrigo.
    Você não sabe o quanto me ajudou agora!!
    Estamos montando uma campanha e uma das intervenções é essa, de lambe-lambe.
    Estava procurando exatamente as formas de impressão, para orçar.

    Valew mesmo, bjos!

  8. putz!! Estava procurando informações pra justamente apresentar no blog Miink o lambe lambe mas seu post é muito bem escrito, completo e relevante. Então vou colocar um link direto do meu blog para o blog Designstuff! Abç

  9. OLÁ EU PRODUZO LAMBE-LAMBE A MUITO TEMPO PORÉM MANUALMENTE E PROCURO INFORMAÇÕES SOBRE QUAL TIPO DE MÁQUINAS ADQUIRIR,SE TIVEREM INFORMAÇÕES EU AGRADECERIA.
    UM ABRAÇO.

  10. Deise Carelli

    Adorei os trabalhos apresentados!!!

    ótimas referências.

    Parabéns.

  11. Daniele Franco

    Gostaria de saber se o lambe lambe para divulgação de um produto ou de um show seria irregular?

  12. meuu dexa eu pergunta eu ja colava uns lambe a um tempo atraz ai parei e pa … agora deu mo vontade de novo e eu to pensando em xeroca uma foto minha com uma expressao bem legal e branca e preta sera q eh uma boa ideia o q vc acha ???
    e outra pergunta e se eu usar só cola branca sera que fixa legal ??? ow eh melhor fazer essa mistura do polvilho aii ???

    valeuuuu abraçooo

  13. eu colo sticker e queria começar a fazer lamb, só que eu queria saber se o papel é o de impressora, ou tem algum especial?

  14. esse video/documentario de 4:10 fala sobre os fundadores e funcionarios da grafica fidalga…que trabalham com lambe-lambe aqui em sampa.Vale a pena ver!

  15. há algum blog ou algo para divulgar uns trampos assim na indepa ? abraço.

  16. Muito legal o post de lambe-lambe, acompanhei o blog ultimamente e está muito bom também…estou pensando em utilizar a arte lambe-lambe para divulgar meu blog…apenas como uma propaganda (pois não vai ser uma intervenção artistica)…mas acho que é válido
    Até

  17. Isabela Terossi

    Eu adorei os vídios, estou aaq fazendo um trabalho e por causa desses vidios vonsegui intender o que é lambe lambe

  18. Post fabuloso! Adorei!

  19. Tentei fazer a cola de trigo, mas nao deu muito certo. Ela ficou quase meia hora no fogo e nao engrossou, sem contar que no final nao colava nada. Ela está correta?

  20. Adorei sabe isto td o posta mas eu quero sabe mas S2

  1. Pingback: Exposição Contra O Verso na Galeria Bergamin « Tudo Por Nada

  2. Pingback: DOS MUROS DA RUA A PAREDE DE CASA | IdeaFixa - artes visuais, ilustração, design e fotografia

  3. Pingback: Os números de 2010 « Design Stuff

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: